2019/09/21

Portas marca posição em congresso

No próximo congresso do CDS-PP, agendado para os próximos dias 22 e 23 de Março, Paulo Portas irá marcar a sua posição dentro do governo e mostrará aos portugueses que o seu partido tem uma visão própria.

Logo a seguir ao Conselho Nacional do início deste semana, Paulo Portas justificou a sua recandidatura à liderança dos populares dizendo que “é preciso um partido de direita que defende certos valores”. Estas declarações de Paulo Portas foram vistas como necessidade de o CDS-PP mostrar que continua a ser um partido independente, apesar do papel que detém no governo de coligação com o PSD de Durão Barroso.

Não se trata, porém, de qualquer distanciamento do CDS-PP em relação aos social-democratas mas tão somente uma oportunidade para partido de Paulo Portas mostrar que está vivo e que por isso mantém uma visão própria dos problemas do país. O congresso poderá assim contribuir para que o CDS-PP mostre aos portugueses que existe para além do governo.

No que diz respeito à antecipação do conclave popular, Paulo Portas explicou ao conselheiros do partido que este congresso será determinante para que o partido possa delinear uma estratégia tendo em conta a aproximação das eleições para o Parlamento Europeu e regionais.

Outra dos objectivos de Paulo Portas para o congresso será também o de arrumar a “casa popular”. Portas pretende renovar os quadros do partido dando relevo àqueles que sempre estiveram a seu lado.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.