2019/11/18

Primeiro ministro sérvio assassinado

Zoran Djindjic, primeiro ministro sérvio e um dos líderes da revolta que levou à destituição de Slobodan Milosevic, foi assassinado, hoje, em Belgrado.

De acordo com a imprensa local, Djindjic foi alvejado duas vezes no estômago ao entrar no edifício do governo, ao início desta tarde. Foi levado para o hospital, onde recebeu tratamento e acabou por sucumbir aos ferimentos. No local, foram imediatamente detidos dois homens.

Ainda o mês passado, Djindjic foi alvo de uma tentativa de assassínio, quando um camião colidiu, propositadamente, contra o seu carro oficial – um atentado que o primeiro ministro minimizou, afirmando que não o demoveriam de levar a cabo as reformas democráticas necessárias.

Djindjic nunca gozou de muita popularidade, sendo classificado por muitos de autoritário, mas foi ele que entregou Slobodan Milosevic a Haia, em troca de ajuda financeira ao país.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.