2021/09/23

EUA podem não levar resolução a votos

O secretário de Estado norte-americano, Colin Powell, disse, hoje, que a resolução que prevê a acção militar contra o Iraque pode nem ser votada, uma clara demonstração do receio norte-americano de não recolher apoio suficiente.

“As opções são as mesmas: ir a votos e ver o que os membros têm a dizer, ou não ir a votos”, afirmou Powell perante a comissão do congresso norte-americano. “Todas as opções serão revistas hoje, amanhã e durante o fim de semana”, adiantou.

A admissão de que não levar a resolução a votação na ONU é uma opção vem contra o que George W. Bush, Presidente dos Estados Unidos, afirmou a semana passada. Então, disse que procuraria o apoio daquela organização de qualquer maneira.

Bush tem levado a cabo uma campanha para conseguir os nove votos de que precisa para ver o ataque ao Iraque legitimado.

A oposição a esta ofensiva tem tomado um tom agressivo, nomeadamente da França e da Rússia, que afirmam que utilizarão o seu direito de veto para bloquear a aprovação da resolução.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.